sábado, outubro 23, 2004

Para Ti

Urgentemente - Eugénio de Andrade

 

É urgente o amor.

É urgente um barco no mar.

É urgente destruir certas palavras,

Ódio, solidão e crueldade,

Alguns lamentos,

Muitas espadas.

É urgente inventar a alegria,

Multiplicar as searas,

É urgente descobrir rosas e rios

E manhãs claras.

Cai o silêncio nos ombros e a luz

Impura, até doer.

É urgente o amor, é urgente

Permanecer.

2 Comments:

Blogger Lia said...

(Eugénio de Andrade)
LOL
O homem ainda te vai fazer pagar os direitos de autor! Ihihihihi
:)

23 outubro, 2004 16:30  
Blogger PQ said...

Eu sou de boas contas Lia :)) Pago... para ver lol

23 outubro, 2004 16:44  

Enviar um comentário

<< Home

Outras Paragens

  • Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
  • Deco-Pro Teste
  • Inépcia
  • Poesia - As Tormentas
  • Portal do Cidadão
  • Vintage Blogs

  • Confissões de uma mulher de 30
  • Datas na História
  • É um mundo cão este das aparências
  • Hemoglobina Pura
  • Horas Negras
  • Oficina das Ideías
  • Papoilas Que Pingam Algodão Doce
  • Sistema de Blogs da Assembleia de República
  • Tasca da Cultura